Quem sou?

Transbordo um bocado de tudo, mas manias é onde a coisa toda vai definindo quem sou. Menina Manias, poderia ser. Tenho lá minhas carências e birras. Ciumenta à medida do que sinto. E, por falar nisso, parafraseando Los Hermanos, quem é mais sentimental que eu? Não me imponho a ninguém. Nem mendigo afeto, é a pior esmola que existe. Ser chamativa não me apetece, foge do meu Eu. Considero-me alguém de poucos amigos,mas tenho os que escolhi para compartilhar meus mais profundos segredos, conquistas, sonhos e derrotas. Simpática ou não com quem eu acho que devo ser por merecimento. Sou chata. Chateio quase todo mundo. Dou trabalho, às vezes. Ou sempre. Desastrada dos fios do cabelo ao dedinho do pé. Confusa. Gosto das coisas do meu jeito ou que saiam conforme os planos. Ser surpreendida me fascina. Compreendem o paradoxo? Busco em silêncio entender e analisar o que acontece ao meu redor. Fria e distante, no fundo do fundo. Pessoa que some, pira, odeia, ama e tem lá o seu bocado de manias.

Quem sou?

 

 

Você também pode gostar: