Escolhas

tumblr_lyf5xpb00x1r7e1sdo1_500

Com o passar do tempo, nós começamos a entender que haverão diversos tipos de pessoas denominadas “amigos”. Há aquela amizade de infância que por mais que vocês fiquem meses sem se vê ou conversar, ao fazer isso parecerá que foi ontem desde a última vez. Há aquela que foi conquistada no colégio e se mantem firme. Outra que acaba juntamente ao período letivo, sem motivo algum. Há aquele tipo que você trata como colega, mas chama de amigo. Ou virse-versa. Aquele que você suporta só porque é seu amigo. Também aquele que se pudesse veria todos os dias. E um que por mais que não se falem mais por alguma intriga, besteira ou coisa outra qualquer, sempre terá um lugar em seu coração. Há o amigo de farra. Amigo de conselhos. Da companhia em momentos ruins. E até aquele que começa sendo apenas amigo e a relação vai colorindo, saindo do preto e branco. Nem que seja um tom de cinza, talvez. E, às vezes, são tantas cores até chegar na do amor entre os dois indivíduos. Ah, tantos tipos! O ponto que quero chegar é de que assim como qualquer outra relação, na amizade você possui uma especie de “contrato social”, mas quem determina as cláusulas são vocês mesmos, sendo necessário apenas que esteja tudo acordado e haja o cumprimento. Acredito que amigo deva ser aquela pessoa que vá gostar de ti como és, não somente de suas qualidades, pois nenhum ser humano é feito somente disso. Pelo contrário, somos tão cheios de falhas e defeitos que na hora de enxergarmos o que possuímos de bom há certa dificuldade. E que amigo que é amigo deve zelar pela confiança mútua e querer o bem do seu próximo. Quando essa confiança se vai? Ah, meu caro, já era. Pode haver perdão, porém, confiar em uma pessoa novamente não e tão simples quanto pareça ser ao oferecer um mero pedido de desculpas. A pior parte disso tudo? Aquele sentimento de traição que toma conta em algumas situações. Por exemplo, quando ao precisar de alguém que lute com/por você porque você não tem forças o suficiente, a pessoa menospreza e faz pouco de tudo. E a consideração? E o respeito? E o afeto? E a verdade? E tudo? Como fica? Era mentira, será? Ou só és amigo quando sente necessidade de um e ao inverso deixa de ser? Traição é escolha.

Amizade é escolha.
Diante da vida caótica,
entre idas e vindas: ficar.
Ao seu lado. Do sorriso à lagrima.

Você também pode gostar: